quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Do Svidaniya, Tukinha!

A primeira vez que li esta palavra "dasvidania" (ou Do Svidaniya, Do Cvidanija, que em Russo, до свидания, significa adeus, até breve) foi no mangá Os Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya), onde o personagem meio Russo meio Japonês, Hyoga de Cisne, ao final da história se despede (de uma forma bem sentimental) da Natássia (que o personagem gostava muito e tem o mesmo nome da sua mãe que morreu).

A primeira vez que usei isso aqui no blog foi quando a cachorrinha Kika se foi embora.

A segunda vez está sendo agora...


A cachorrinha (que era filha da Kika) acabou por falecer hoje, dia 28/02 do ano de 2018, 6 anos após sua mamãe ir para o "além". Ela tinha já seus muitos 13 anos de idade.

Ficamos tristes mas também ficamos com o sentimento de que agora ela finalmente descansou (R.I.P - rest in peace). Ela já estava sofrendo muito desde final do ano passado devido a um tumor na boca.

Digo assim pois ninguém sabe se quando morremos tudo termina no nada ou se existe alguma coisa no plano espiritual como muitas religiões pregam. E muitos acham que isto seria um privilégio apenas dos seres humanos... Quanta prepotência pensar desta forma, mas tudo bem, cada um acredita no que quiser.

Como da outra vez, eu fiz uma ilustração pra Kika, desta vez eu gostaria de guardar esta imagem da Tukinha (ou Tuquinha ou "catolinha" - como eu gostava de chama-la) com esta imagem acima que fiz dela faz algum tempo atrás.

Ela sempre ficava assim com a linguinha de fora, hahaha. Sempre que eu chegava ela gostava de me recepcionar uivando... Nunca vou esquecer destes momentos.

A gente amou muitos estes animaiszinhos... Ôhhhhh como amou. Minha mãe e meu pai quem cuidaram da Tukinha nos seus "últimos dias" (agora que eles se mudaram para a praia).

Bom, fiquei MUITO TEMPO SEM POSTAR NADA DE NOVO AQUI NO BLOG e quando posto algo é pra fazer uma homenagem assim, neste teor de sentimento? Ah, mas não vamos terminar assim... Deixa eu noticiar algo de interessante aqui.





Desde novembro de 2017 eu estou agora muito envolvido e comprometido numa nova jornada, participando do Blog do De Volta para o Futuro (www.blogbacktothefuture.com) e no canal do YouTube deles... Depois deem uma olhada lá e confiram que está bem legal mesmo.






Mesmo que tenho algumas ideias guardadas para novas tirinhas, não sei quando voltarei (até porquê minha mesa digitalizadora de desenho não está mais funcionando direito).


quarta-feira, 21 de outubro de 2015

De Volta para o Futuro de um pretérito

Pois é galera, estou aqui nesta data tão especial para mim (21 de Outubro, ano 2015 - esta é a data que o Marty McFly chega no futuro no filme, que dá título pra este post, De Volta para o Futuro Parte 2), para anunciar que estou oficialmente finalizando as tirinhas deste blog (pelo menos desta temporada de 2015) e infelizmente sem previsão de voltar para o futuro.

Abaixo deixo as duas últimas tirinhas inéditas que fiz para o jornal (não sei se foram publicadas), mas de qualquer forma vou postar aqui.

(clique nas imagens para ampliar)


Só tenho que agradecer a todos que visitaram, comentaram, curtiram, apoiaram, compartilharam e leram tudo que aqui está.

Durante estes anos aqui postando várias coisas fui aprendendo bastante coisa legal pra minha vida também. Mudei de opinião com referência à alguns temas (polêmicos) e aprimorei minha técnica de desenhar. Consegui até a façanha de levar o Freeky pra um jornalzinho de uma cidadizinha do interior de Minas Gerais, quem diria, heim! Pena que a parceria não deu certo mais certo. Porém  deu pra render algumas histórias boas... Hehehe, pelo menos fiz história - em todos os sentidos.

O trabalho e as prioridades da minha vida mudaram... O tempo que tenho estou dedicando para outras coisas agora. Vou deixar o Freeky de férias... por tempo indeterminado.

Quem sabe nos vemos no futuro?

Nunca pensei que chegaria nesta data, 21 de Outubro de 2015! E nunca pensei que hoje eu estaria assim e o mundo essa "maravilha" toda. Poxa, quanta gente legal que morreu este ano (referência ao ator Dean Jones, do filme Se Meu Fusca Falasse, do Herbie - outro grande filme da minha vida) e tantas outras tragédias (desde o aumento do dólar até pessoas morrendo refugiadas fugindo da guerra). Ahhh... Que ano!!!

Fique então com a música do filme Back to the Future tocada por mim (desculpe os pequenos errinhos, mas é que eu estava muito nervoso mesmo na gravação) e com uma mensagem do Doc Brown para os nossos corações "o futuro não está escrito, então faça ele valer a pena e sempre faça dele o seu melhor!"





E como sempre: tudo de melhor sempre!

OBS: assim como a primeira tirinha que postei aqui foi sobre referência ao filme, acabei que "encerrando um ciclo" com referência ao mesmo assunto! Até mais.

+ posts relacionados...